NOVO UTILIZADOR
EDITAR DADOS
RECUPERAR PASSWORD
 
 
 

Edição Nº96
 
 
Janeiro 2011
 
EVENTO - Sociedade Portuguesa de Acústica – Sessão de Electroacústica

Edição Impressa
Histórico

Artigos Completos

 

 

 
Enviar este Artigo
STEINBERG
Cubase 6 e Cubase Artist 6 apresentados no NAMM 2011
 
A Steinberg anunciou o lançamento dos novos Cubase 6 e Cubase Artist 6, duas novas versões do muito apreciado sequenciador e gravador de MIDI e áudio digital, líder do seu segmento de mercado. Compreendendo melhorias e novas funcionalidades, como por exemplo nas ferramentas para a composição, incluindo a revolucionária VST Expression 2, edição de bateria multipista com correcção precisa de fase, e adição de novos instrumentos e efeitos, o Cubase 6 e o Cubase Artist 6 estão já disponíveis, podendo ser encomendados juntos dos respectivos distribuidores e retalhistas.
 
17.01.2011
 

“A sexta versão assinala uma etapa relevante para o Cubase,” comenta Helge Vogt, gestor de marketing de produto da Steinberg para o Cubase. “Com mais de 25 anos de experiência a criar o melhor em termos de software musical, a Steinberg está exultante ao anunciar esta nova incarnação do Cubase num evento como este, logo no início do ano. Concentrámos toda a nossa experiência em engenharia de software no Cubase 6, para dar aos nossos clientes as melhores soluções para produção, consolidando assim a posição do Cubase como o mais popular sistema de produção musical do mundo. Esta versão tem melhor aspecto, funciona melhor e é mais fácil de operar do que nunca – o Cubase é simplesmente a estação de trabalho musical porque todos devem optar, independentemente do estilo de música,” continua Vogt.
Com muitas e variadas novas funcionalidades e uma revisão da interface gráfica e dos fluxos de trabalho, o Cubase 6 já captou muitas atenções desde a sua apresentação no NAMM.
O primeiro local onde se notam as melhorias introduzidas pelo Cubase 6 e o Cubase Artist 6 é na janela Project. A nova opção Track Edit Groups melhora o fluxo de trabalho em gravações multipista, permitindo que eventos relacionados mas espalhados em múltiplas pistas sejam agrupados e editados em simultâneo, enquanto o novo Lane Track disponibiliza a possibilidade de seleccionar e consolidar fragmentos áudio de múltiplos takes para formar a gravação perfeita. As redesenhadas retinas de detecção de tempo e transitórios de ataque, quantização de áudio com precisão de fase e substituição de baterias também incorporadas no Cubase 6 ajudam a editar e reparar deficiências em gravações ao vivo de pistas de bateria. A janela Ket Editor foi também melhorada com um painel Inspector e com a inovadora e revolucionária funcionalidade Note Expression, para criar e editar múltiplos valores de controladores através de uma simples edição da nota. Também incluída foi a nova Dynamics Lane, que permite a audição em tempo real de alterações dinâmicas em sincronia com as notações de dinâmica na janela de edição de partitura Score Editor.
Outras evoluções importantes que vêm marcar esta nova versão do Cubase são a VST Expression 2 e o VST 3.5. Tendo feito a sua aparição na versão anterior do Cubase, a VST Expression evoluiu neste Cubase 6 para uma ferramenta de orquestração MIDI simultaneamente poderosa, abrangente e eficaz.
Carlos Mendoza Rohde, coordenador de marketing de produto, diz a propósito destas e de outras novas funcionalidades:
“Com o lançamento da VST 3.5, em conjunto com o Cubase 6, transportamos a celebrada tecnologia VST a um novo patamar, apresentando uma nova abordagem ao controlo da articulação musical nota a nota. Chama-se Note Expression, e faz parte integrante da VST Expression 2, que vem simplificar radicalmente o trabalho com as grandes bibliotecas de orquestra, normalmente usadas na composição sinfónica ou de música de filmes. Temos ainda a nossa nova suite de amplificadores e processamento para guitarras, VST Amp Rack, pronta a colorir as pistas de guitarra com a tonalidade certa, tanto no Cubase como no Cubase Artist. Tantos efeitos de qualidade, instrumentos virtuais e conteúdos, tudo incluído no pacote, permitem ao Cubase preencher as necessidades tanto dos músicos que compõem sozinhos, no seu pequeno estúdio doméstico, como dos produtores profissionais de estúdio com carreiras de sucesso”.

Tecnologia VST avançada
Disponível apenas no Cubase 6, a Note Expression proporciona uma forma única de atribuir, criar e editar múltiplos valores de controlador directamente numa única nota – ideal para criar arranjos orquestrais sofisticados bem como texturas electrónicas e efeitos sonoros complexos e evolutivos. Combinando a mais avançada tecnologia Virtual Studio Technology com o paradigma do MIDI permite que cada evento de nota contenha múltiplos dados de controlo, fazendo com que a possibilidade de composições polifónicas serem controladas dinamicamente seja uma realidade. A VST Expression 2 também inclui uma Articulations Lane expandida na janela Key Editor para editar dinâmicas da mesma forma. Isto significa que os símbolos de dinâmica que anteriormente apenas podiam ser aplicados na janela Score Editor também são agora usados e mostrados na janela Key Editor. Complementando todas estas novas funcionalidades, temos a VST Expression Maps, que foi também expandida para acomodar a possibilidade de os instrumentos compatíveis com a norma VST 3.5 receberem automaticamente configurações de articulações de sons de diversos instrumentos num único VST Expression Map.
“A VST Expression 2 é simplesmente espantosa — temos que a ver em acção para perceber toda a amplitude do que é possível obter com esta nova funcionalidade. A sinergia obtida entre os instrumentos que desenvolvemos e a tecnologia VST 3.5 permite-nos pensar já numa era pós-MIDI,” explica novamente Helge Vogt, gestor de marketing de produto do Cubase.
Tanto o Cubase 6 como o Cubase Artist 6 incluem o plug-in VST Amp Rack, que vem equipado com sete modelos de amplificadores, dezasseis stomp boxes, seis modelos de colunas e dois tipos de microfones. Outra importante adição é a inclusão do novo instrumento virtual HALion Sonic SE, que vem substituir o HALion One, e vem equipado com mais de 900 sons para produção no Cubase e 550 sons no Cubase Artist. Temos ainda a segunda edição do LoopMash, agora com mais de 20 efeitos baseados em fatiamento de loops controláveis em tempo real via MIDI.
A interface gráfica foi significativamente redesenhada, tendo em vista especialmente minimizar o cansaço visual provocado pelo elevado número de horas em frente ao visor, pelo que inclui a opção de controlar as definições de intensidade, brilho e tonalidade das cores. Ambas as novas versões do Cubase funcionam a 64-bit em sistemas operativos Windows e Mac, permitindo assim tirar partido da melhoria do desempenho no que toca ao suporte de maior endereçamento de memória, o que significa mais pistas e bibliotecas de som maiores.
Alguns dos melhoramentos que são comuns ao Cubase 6 e Cubase Artist 6 são a compatibilidade global entre projectos criados com as diversas versões do Cubase 6, novos algoritmos de compressão/expansão de tempo e mais de duas horas de tutoriais avançados em vídeo de alta definição.
A PA conta apresentar em breve uma análise a esta nova versão do Cubase.
www.steinberg.net
Distribuição: www.visound.pt

Fernando Rodrigues


Compartilhe:
| Mais
   
  No certame deste ano, a Steinberg apresentou as novas versões do seu programa bandeira, como sempre incluindo novas funcionalidades, efeitos e instrumentos, além de várias melhorias e afinações na interface gráfica e nos fluxos de trabalho.
  No certame deste ano, a Steinberg apresentou as novas versões do seu programa bandeira, como sempre incluindo novas funcionalidades, efeitos e instrumentos, além de várias melhorias e afinações na interface gráfica e nos fluxos de trabalho.
   
 
+ Estúdio
 
 
UAD-2 Satellite: hardware DSP externo em FireWire
 
Controlador de monitores JBL MSC1 agora com suporte de software para Mac
 
Focusrite RedNet: uma rede para estúdio baseada em Dante
 
Audient ASP2802 já deixa boas impressões
 
SSL confirma entrega dos primeiros sistemas Nucleus ainda este mês
 
Novo update para Audiofile Engineering Spectre, versão 1.5
 
iRig Mic, um microfone para iPhone e iPad da IK Multimedia
 
Blue lança Yeti Pro, um microfone USB/XLR de alta resolução
 
+ Visitados
 
 
Nova mesa digital Behringer X32 anunciada no NAMM 2011
 
Mac App Store da Apple já abriu
 
Actualização 1.4 da aplicação Audio Kit para iPhone
 
iRig Mic, um microfone para iPhone e iPad da IK Multimedia
 
Nova mesa de gravação Xenyx UFX1604 da Behringer: USB e Firewire!
 
 
 

 

  PRODUçãO AUDIO
   
  Edição Brasil

Edição Espanha

Edição América

 

 
 
 
Todos os direitos reservados. Produção Audio é uma marca registada pela Bolina Portugal, Lda.
Consulte as condições legais de utilização dos sites do Grupo Editorial Bolina.
Fale Conosco - Contact Us
 
GRUPO EDITORIAL BOLINA
PORTUGAL - Produção Profissional - Produção Áudio - Elektor - Channel Partner - Mundo Da Óptica - Dentistry - Instalação Profissional
ESPAÑA - Producción Profesional - Producción Audio - Mundo De La Optica - Instalación Profesional
AMÉRICA LATINA - Producción Profesional - AmericaProAudio
BRASIL - Produção Profissional - Produção Áudio - Elektor - Mundo Da Óptica - Nursing - Dentistry Brasil - Assine Bolina - Integração Profissional - Smart Energy - Gestão e Tecnologia Hospitalar



© 2010 Editorial Bolina